TCE acha de sujeira de pombos a material escolar não distribuído em escolas do centro-oeste paulista

  • Sexta-Feira, 05 Agost
  • 0 Comentário(s)

TCE acha de sujeira de pombos a material escolar não distribuído em escolas do centro-oeste paulista

Agentes do tribunal visitaram unidades escolares em 319 cidades do estado, sendo 40 delas na região. Autoridades serão notificadas a corrigir as irregularidades. Fiscalização do TCE encontrou quadras sendo usadas como depósito de materiaisTCE/DivulgaçãoO Tribunal de Contas do Estado de São Paulo (TCE-SP) realizou nesta quinta-feira (4) uma “fiscalização surpresa” em quase 400 escolas estaduais e municipais em 319 cidades do estado, 40 delas no centro-oeste paulista.Segundo o TCE, o objetivo da ação que envolveu quase 400 agentes foi checar a infraestrutura das unidades, bem como o fornecimento de água, manutenção e limpeza dos ambientes, salas de aulas, banheiros, cozinha, locais de convivência, pátios e quadras esportivas.TCE fiscaliza escolas em cidades do centro-oeste paulistaNa região, a principais irregularidades encontradas foram a presença de pombos e seus dejetos, carne estocada sem identificação de procedência, alunos sem uniforme, falhas estruturais nos prédios, com improvisos em ligações elétricas e hidráulicas, além de apostilas novas e outros materiais escolares estocados, não sendo distribuídos aos alunos.O TCE também destacou falta de acessibilidade, falta de salas de informática, veículos de transporte escolar em situação precária e com pneus desgastados, sem cinto de segurança, alvará dos Bombeiros vencido, hidrantes sem mangueira e extintores vencidos. O TCE informa que todas as prefeituras e órgãos estaduais responsáveis pelas unidades vistoriadas serão notificados pelo a corrigir e prestar esclarecimentos sobre cada caso.Escolas em Igaraçu do Tietê foi advertida sobre a presença de pombos TCE/DivulgaçãoNa regiãoEm Igaraçu do Tietê, a Escola Municipal João Tuschi foi um das apontadas como tendo a presença de pombos e dejetos, colocando em risco a saúde dos alunos, professores e funcionários. O ônibus da unidade também apresentava em mau estado de conservação. Situação precária do transporte escolar também foi apontada em várias unidades da região TCE/DivulgaçãoEm Presidente Alves, na Escola Estadual Profª Maria Aparecida Coimbra, foram apontadas irregularidades como banheiros com azulejos quebrados e usado como depósito de materiais, bebedouro com torneiras quebradas, pátio utilizado como depósito de materiais, carne da merenda sem identificação, extintor vencido, entre outros.Já em Torrinha, na Escola Municipal João Seber, foram identificados alimentos vencidos na merenda escolar, estocados embaixo da pia, junto ao piso, botijão de gás ao lado do fogão, crianças sem uniformes e extintores vencidos.Em Espírito Santo do Turvo, na Escola Municipal Antônio Gonçalves das Neves, o TCE identificou pneus carecas no transporte escolar e armazenamento inadequado de livros.Fiscalização do TCE acha diversas irregularidades em escolas do centro-oeste paulistaTCE/DivulgaçãoEm Mineiros do Tietê, na Escola Municipal Pref. Maurílio Vondramini, havia hidrante sem mangueira de incêndio.Já em Lençóis Paulista, na Escola Municipal Helder Paccola, foram achados equipamentos odontológicos em desuso, alunos sem uniformes, falta de acessibilidade e guias rebaixadas e revestimento solto no pátio. Em Boraceia, na Escola Municipal Profª Salete Marostiga, as irregularidades apontadas foram alunos sem uniforme e merenda sem todos os ingredientes previstos no cardápio. Outro ladoA reportagem da TV TEM consultou os responsáveis por essas unidades e obteve as seguintes explicações:A Prefeitura de Lençóis Paulista disse que todos os uniformes foram entregues no primeiro semestre deste ano e que não pode impedir o aluno de entrar na escola sem o uniforme. A assessoria contestou problemas na acessibilidade. Já sobre as guias, informou que elas não se encontram no interior da escola.A Prefeitura de Espírito Santo do Turvo disse que o ônibus utilizado no transporte já retornou da manutenção e já foi feita a compra e a troca dos pneus. Já em relação aos livros, a escola está em manutenção e por enquanto eles estão em um local provisório, mas que retornarão ao local apropriado assim que forem concluídas as obras.Sobre os problemas na unidade de Presidente Alves, a Secretaria de Estado da Educação informou que na unidade já está em andamento a substituição dos extintores e revitalização dos banheiros.A reportagem também consultou os responsáveis pelas outras unidades citadas e aguarda posicionamento.Fiscalização do TCE também acha alimentos estocados de forma irregularTCE/DivulgaçãoConfira mais notícias do centro-oeste paulista:Veja mais notícias da região no g1 Bauru e Marília.

FONTE: https://g1.globo.com/sp/bauru-marilia/noticia/2022/08/05/tce-acha-de-sujeira-de-pombos-a-material-escolar-nao-distribuido-em-escolas-do-centro-oeste-paulista.ghtml
#Compartilhe

0 Comentários

Aplicativos


 Locutor no Ar

Peça Sua Música


Anunciantes